Gestão de metas: o que é, a importância e como fazer

Rebeca Rohr | 10 de agosto de 2022

A gestão de metas pode ser definida como o ato de planejar e supervisionar a estratégia de metas e os processos exigidos para que todos os resultados e objetivos do negócio sejam alcançados com sucesso.

gestao-de-metas

Certamente, manter toda a equipe alinhada com a estratégia e engajada com suas metas é o sonho de todo líder. E a chave para isso é justamente a gestão de metas, que torna mais prático envolver o time com o propósito da organização.

Inclusive, é uma das melhores formas de estabelecer metas mais inteligentes, realistas e assertivas para analisar e alcançar os resultados almejados com mais eficiência.

Quer entender tudo sobre gestão de metas? Então confira neste blog post o que é, sua importância para elevar o desempenho do seu time e como fazê-la na sua empresa!

Neste conteúdo você encontra:

  • O que é gestão de metas?
  • A importância da gestão de metas
  • Como fazer gestão de metas
  • Quais práticas devem estar associadas à gestão de metas?

O que é gestão de metas?

Gestão de metas significa conduzir as ações de um projeto e todos os recursos disponíveis (como as pessoas, o tempo e o dinheiro) rumo aos objetivos estratégicos do negócio.

Isso quer dizer que a gestão de metas foi criada para que as empresas identifiquem aonde querem chegar e qual o melhor caminho para seguir. Ou seja, é um direcionamento que torna as ações mais claras e define objetivos específicos para se alcançar em um determinado tempo.

Com ela, você pode ter uma dimensão maior do que foi previsto e do que foi realizado, obter maior controle das rotas e garantir estratégias mais transparentes com desdobramento para todos os departamentos e pessoas.

Desse modo, todos os esforços possibilitarão melhores resultados para o negócio e para os colaboradores, que terão acompanhamento de metas e resultados frequente para corrigir possíveis desvios e serão recompensados por suas entregas.

A importância da gestão de metas

A gestão de metas é essencial, principalmente, por dar uma visão macro do negócio. Em suma, melhora o desempenho e oferece inúmeros benefícios tanto para a empresa quanto para os colaboradores. Confira alguns deles:

Maior clareza das prioridades da empresa

Com as metas, os times adquirem maior clareza de quais demandas priorizar e em quais projetos concentrar seus esforços e energia. Assim, eles evitam perder tempo com tarefas que não estão no foco para atingir os objetivos da organização.

Comunicação mais assertiva com a equipe

A gestão de metas também é o ponto de partida para um procedimento eficiente de feedbacks com alinhamento de expectativas e identificação de pontos de melhoria e de destaque para o desenvolvimento das pessoas.

Visão mais abrangente de futuro e propósito

Os times precisam enxergar para onde estão indo e ter uma visão abrangente do propósito e futuro do negócio. Isso porque se os colaboradores não tiverem clareza de qual é a linha de chegada, não entenderão a importância do percurso.

Auxilia na mensuração da performance de pessoas

Com a gestão de metas, é mais fácil identificar se o colaborador está atingindo o que a empresa espera dele ou não. E a partir disso, estabelecer planos de ação para alavancar a performance.

Eleva o engajamento do time com a organização

Quando o colaborador entende qual é o seu papel para os resultados do negócio, ele cria o sentimento de pertencimento e protagonismo. Essa sensação de pertencer possibilita uma ligação afetiva da pessoa com a empresa e aumenta o engajamento.

Aumenta a produtividade

Por meio da gestão de metas, a liderança sabe como direcionar o time da melhor forma para executar as demandas com a maior eficiência em menor tempo.

Além de que o aumento da produtividade é uma consequência do engajamento – uma vez que colaboradores engajados trabalham com mais empenho.

Os objetivos são atingidos com maior determinação

Quando há o alinhamento entre as metas do negócio e as expectativas dos colaboradores, todos trabalham comprometidos com o mesmo propósito e os objetivos são alcançados.

É relevante ressaltar que uma boa gestão de metas funciona como uma bússola, guiando todos para a mesma direção. Por isso, ao mesmo tempo que deve engajar, também precisa aumentar o sentimento de pertencimento dos colaboradores.

Além disso, é necessário o acompanhamento frequente e em tempo real para que não ocorra atrasos nas entregas. Ao passo que é fundamental incluir os indicadores (KPI) para conseguir analisar todos os resultados.

gestao_de_metas

Como fazer gestão de metas

Essas 3 etapas facilitarão a construção da sua estratégia na prática para uma gestão eficiente das suas metas, objetivos e indicadores. Veja só:

Planejamento da gestão de metas

Primeiramente, é preciso estabelecer todo o planejamento de metas. Nesse momento, deve-se ter em mente que as metas precisam ser atingíveis com a intenção de aumentar a motivação dos colaboradores.

Ou seja, evite criar metas difíceis de serem alcançadas na prática, pois podem desanimar sua equipe. Outro ponto de atenção é não exagerar na quantidade de metas, e nem ser muito genérico.

É válido pontuar que as metas precisam traduzir a estratégia em objetivos tangíveis e serem definidas com base nos indicadores de desempenho. Uma vez que ajudam a acompanhar e mensurar o alcance de seus resultados.

Por esse motivo, tenha um objetivo específico e desdobre suas metas a partir deles. Até porque para cada uma delas haverá alguns indicadores.

Outros fatores que também devem ser considerados são tempo, investimento e recursos humanos. Lembre-se que as metas precisam ter um valor e prazo para serem cumpridas.

Uma dica é utilizar as metodologias de Metas SMART e 5W2H que podem tornar esse planejamento muito mais ágil e objetivo e garantir que as metas sejam bem elaboradas e tenham um propósito.


Implementação

Para alcançar as metas com sucesso, todos precisam estar envolvidos e motivados. Logo, é indispensável criar um plano de ação e comunicá-lo a toda equipe.

Não só converse com o time para esclarecer todas as dúvidas possíveis que podem surgir antes ou durante a execução das tarefas, como também garanta que cada um compreenda o impacto do seu trabalho nos resultados.

Esse alinhamento manterá um forte sentimento de pertencimento e estimulará o desenvolvimento de cada colaborador.

Com efeito, é função do líder engajar os colaboradores com suas metas. Nesse caso, as recompensas financeiras e emocionais são criadas para motivar os funcionários e premiá-los por suas entregas de resultados positivos.

Algumas metodologias são utilizadas para implementar a gestão de metas, como as OKR e BSC. Essas ferramentas possibilitam maior colaboração entre o time e agilidade para trocas de informação durante todo o processo.

Acompanhamento na gestão de metas

Após todas as etapas anteriores, é a fase de acompanhar e monitorar a estratégia. E, para isso, é crucial escolher os melhores indicadores para analisar o desempenho e fazer a gestão de performance do seu time.

E se você está se perguntando por que fazer o acompanhamento frequente de metas, saiba que é esse acompanhamento que viabiliza a identificação de possíveis desvios de rota e a revisão das metas ou oportunidades que podem surgir. Dessa forma, toda ação poderá ser tomada na hora certa.

Um outro fator importante é criar uma rotina de feedbacks contínuos e informar o quão perto ou longe cada colaborador está de alcançar seu objetivo final. Até porque promover uma comunicação transparente e recorrente é a chave para manter o engajamento e o alinhamento.

Mas quer saber qual é a melhor solução para acompanhar a gestão de metas? Um software que automatiza todo o trabalho do gestor, elimina processos repetitivos, identifica desvios e oportunidades a tempo de executar as ações necessárias, compreende os desafios e gaps e ainda reduz o número de erros e retrabalhos, garantindo maior assertividade e agilidade! Essa é a Mereo!

Quais práticas devem estar associadas à gestão de metas?

Algumas outras boas práticas que podem ser associadas para realizar uma gestão de metas eficiente são:

Pesquisa de clima organizacional

A pesquisa de clima organizacional pode ser uma grande aliada da gestão de metas, isso porque fornece à liderança um panorama de como os colaboradores estão se sentindo em relação à empresa.

Ter essa informação é importante porque a insatisfação das pessoas tem um impacto direto no seu desempenho e produtividade, o que pode afetar os seus resultados.

Assim, com uma pesquisa de clima organizacional, é possível identificar lacunas e corrigi-las para prevenir falhas que podem ser fatais para o alcance das metas.

Bem como ajuda a compreender se os objetivos das pessoas e da empresa estão alinhados para garantir engajamento e comprometimento com as metas.

Feedbacks

Colaboradores que trabalham “no escuro” podem, eventualmente, se questionar quanto ao sentido daquilo que desempenham, o que pode acarretar desmotivação e, consequentemente, queda na produtividade.

O feedback contínuo, uma prática para retroalimentar as pessoas constantemente com relação ao resultado das tarefas executadas, evita mal-entendidos e ainda mantém a equipe focada e engajada.

Conclusão

Em resumo, é imprescindível proporcionar uma gestão ativa e motivadora para que todos mirem no mesmo propósito. Já que existe uma relação direta entre como a liderança atua e como a equipe se comporta.

Em vista disso, a gestão de metas deve ser o mais transparente possível e seu acompanhamento deve ser frequente. Assim, tudo acontecerá como o esperado e a execução das atividades proporcionará bons frutos.

Por fim, é válido ressaltar que quando todos sabem exatamente o que fazer para cumprir as metas e acompanham os seus resultados, o engajamento cresce e fica muito mais fácil alcançar os objetivos da organização!

Eleve os seus resultados e garanta o seu sucesso organizacional baixando agora o nosso ebook!

Posts relacionados

Quer receber nossos conteúdos diretamente no seu e-mail?

Assine a nossa newsletter para receber os melhores conteúdos. Faça parte da nossa comunidade!