analise_pestel_capa_mereo

11 de junho de 2021

Análise Pestel: o que é, sua importância e como montar a matriz

A Análise Pestel, conhecida também como PEST, auxilia na compreensão de fatores externos que podem impactar a sua empresa.  Ela pode ser utilizada em pequenas, médias e grandes negócios.  

Toda empresa precisa estar atenta ao investimento correto nos recursos, isso só é possível por meio da compreensão do cenário que está inserida.  

Hoje vamos abordar sobre esse método, que tem o objetivo de identificar e evitar os imprevistos dentro das companhias.  Continue lendo o artigo para saber mais o que é, a sua importância e como montar a matriz. 

O que é a Análise Pestel 

A ferramenta procura entender os fatores externos, como a situação econômica e política do país que podem geram efeitos no funcionamento de uma empresa.  

Para proporcionar essa visão macro, a análise separa os fatores em tópicos dos elementos externos que devem ser considerados na hora de colocar em prática essa matriz, são eles:  

P – Fatores políticos  

E – Fatores econômicos  

S – Fatores sociais  

T – Fatores tecnológicos  

– Fatores ecológicos  

L – Fatores legais  

A partir desses fatores que surgiu a sigla que deu nome à Análise Pestel. A matriz obtém um quadro completo para a compreensão do ambiente macro onde a organização está operando. 

Confira agora cada um desses fatores: 

Fatores políticos  

Os fatores políticos são importantes de serem analisados, pois além de saber a estabilidade ou instabilidade política, também fala sobre a política governamental e comércio exterior, corrupção, legislação trabalhista, ambiental e restrições comerciais.   

Esse fator leva em consideração o nível de interferência do governo na economia, mostrando como está a atratividade do mercado e pode mostrar até mesmo os impactos do governo nos regulamentos de saúde, na infraestrutura e sistema educacional.  

Fatores econômicos  

Os fatores econômicos focam em analisar o crescimento econômico, taxas de inflação, juros, câmbio e até mesmo taxas de desemprego. Pode ser classificado em dois grupos: microeconômicos e macroeconômicos.  

Os microeconômicos estão ligados a maneira que os consumidores gastam sua renda, já no macroeconômicos observa as condições gerais da oferta e demanda.  

Esses fatores analisam o poder de compra, modelos de oferta, o que pode afetar como as empresas avaliam seus serviços e produtos.  

Fatores sociais  

Os fatores sociais analisam as influências culturais e crenças do público-alvo, para entender melhor o ambiente social que a empresa está operando.  

Dados demográficos, normas, costumes, idade, interesses, opiniões da sociedade e educação também são analisados, esses fatores são importantes principalmente para os profissionais de marketing, para segmentar seus clientes.  

Fatores tecnológicos  

Na Análise PEST, os fatores tecnológicos são um dos mais importantes, pois são eles que determinam como as empresas podem explorar a comunicação e interação, define o nível de atividade de inovação e conhecimento tecnológico que o mercado possui.  

Fatores ecológicos  

Hoje em dia os consumidores estão mais preocupados com o meio-ambiente, por isso optam por comprar produtos de empresas socialmente responsáveis com a ecologia. Por isso, analisar esses fatores é importante para uma organização.  

Os fatores ecológicos incluem aspectos ambientais, como o clima e suas mudanças e compensações ambientais. Assim, muitas empresas buscam a sustentabilidade e responsabilidade social corporativa (RSE).  


Fatores legais  

Esses fatores estão ligados a questões de segurança dos produtos, lei de igualdade de oportunidades, direitos do consumidor, leis trabalhistas, leis de direitos autorais, leis de discriminação, leis de saúde e segurança.  

Os fatores legais servem para que as empresas funcionem com sucesso, sabendo das leis e regulamentos do país e as respeitar.  

Por que aplicar a Análise Pestel  

Seguindo o mesmo princípio da Análise SWOT, a Análise Pestel auxilia no planejamento estratégico e entender o ambiente que a empresa está inserida para tomar decisões assertivas.  

A metodologia PEST ajuda a:  

  • Detectar ameaças; 
  • Detectar oportunidades; 
  • Desenvolver uma visão objetiva do ambiente externo de uma organização.  

A ferramenta pode ser utilizada na hora de planejar os próximos passos rumo a expansão da empresa, para entender melhor o ambiente que está inserido e os possíveis impactos dos fatores analisados ou no momento que iniciar um novo negócio.  

Como fazer uma Análise Pestel 

No momento de montar a PEST, para a sua empresa você precisa seguir os 3 passos a seguir:  

1. Brainstorming de cada um dos fatores 

O primeiro passo para obter sucesso na Análise Pestel é marcar uma reunião de brainstorming para abordar cada um dos fatores.  

A cada fator que é considerado na análise existem perguntas que podem ser feitas, para explorar cada ameaça e oportunidades externas.  

Exemplo:  

As questões que serão abordadas para analisar os fatores políticos serão ligadas aos regulamentos do setor. Então, podem ser sugestões de perguntas:  

  • Atualmente, qual é a situação política do país e qual o impacto que ela pode trazer? 
  • Quando será a próxima eleição e como ela pode afetar o setor? 
  • Quais são as restrições impostas pelo governo? 
  • Quais são os outros fatores políticos que podem mudar? Como isso afetará a empresa? 

Após passar por todos os fatores que a ferramenta analisa e levantar todas as oportunidades e ameaças externas, seguimos para os dois passos seguintes.  

2. Brainstorming das oportunidades 

Um dos objetivos dessa análise é identificar as oportunidades a partir da avaliação do ambiente externo.  

No passo anterior, entendemos quais são essas possibilidades de crescimento da organização.  
 
Exemplo: 

Quando a maior parte da população começa a consumir marcas mais sustentáveis e sua empresa tem a possibilidade de se adaptar a essa realidade e vender mais.  

Ou uma nova tecnologia que surgiu no mercado e pode auxiliar no processo de entregas dentro da organização.  

Portanto, nessa etapa é listada essas oportunidades e incluídas na Matriz Pestel. Os fatores que não oferecerem nenhuma oportunidade, devem ficar de fora da matriz.  

3. Brainstorming das ameaças  

Assim como nos passos anteriores, neste é realizado uma reunião de brainstorming, mas agora o objetivo é listar todas as ameaças que os fatores externos apresentam para o seu negócio.  

Esse passo é extremamente importante para que a empresa consiga planejar ações para evitar ou minimizar os impactos dos problemas que podem surgir. 

Os fatores que não oferecem ameaças ficam de fora da matriz. Logo, no final da sua Matriz Pestel terá apenas os itens que representam as oportunidades e ameaças.  

Como a Análise Pestel apresenta somente as ameaças e oportunidades externas, recomendamos de utilizar juntamente a ela a Análise SWOT, uma outra ferramenta que trabalha os fatores internos da empresa.  

Dessa forma, é possível ter uma visão ampla da sua organização e entender todos os fatores internos e externos que podem ajudar ou prejudicar o seu negócio.  

Em conclusão, recomendamos baixar a nossa planilha grátis de plano de ação para tornar seu planejamento ainda mais eficiente. 

Gostou desse artigo? Compartilhe.